De onde vem o dinheiro para custear o começo de uma startup?

Na mídia lemos constantemente notícias do tipo startup X consegue Z milhões de investimento, mas como já expliquei antes, o que a mídia fala não é a regra, é a exceção. ficamos tentados a acreditar que o que sai na mídia é a regra e que, para ter sucesso, devemos perseguir a mesma métrica de sucesso. No caso das startup, o sucesso seria conseguir Z milhões de investimento, afinal toda startup que aparece na mídia consegue.

O infográfico abaixo serve para mostrar mais uma vez que o que a mídia fala não é regra, é exceção.

  • 95% das startup têm investimento dos próprios donos ou de amigos e família.
     
  • dinheiro próprio, de amigos ou de família representam 80% do total de dinheiro investido em statups.

startup-funding-infographic

4 thoughts on “De onde vem o dinheiro para custear o começo de uma startup?

  1. Olá, Joca, tudo bem? Entrei em contato com você pelo twitter. Gostaria de oferecer um artigo para o blog, para ver se você tem interesse em publicar.

    Sou editora da versão brasileira do Flipit, um portal de descontos online recém-lançado em 18 países pela Imbull, startup holandesa responsável pelos maiores sites de cupoons da Holanda e da Bélgica.

    O artigo teria cinco dicas para start-ups dadas por Jochem Vroom, o fundador da Imbull. Fundada há quatro anos, a Imbull hoje está em terceiro lugar no ranking de startups que mais crescem na Holanda e Vroom foi eleito uma das 25 pessoas mais influentes do e-commerce europeu.

    Há interesse? Posso enviar o artigo para você avaliar? Se sim, para qual e-mail? Obrigada e abraços

  2. Oi Marjorie,

    Pode enviar sim. Meu email é jorres @ jig ponto com ponto br.

    Abs,
    Joca.

  3. Curioso esse gráfico… Interessante saber que o crowdfunding já é algo significativo no agregado dos investimentos.

    Parabéns pelo blog!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *