Gestão de produtos pra quê?

Quando o livro ficou pronto, algumas pessoas me perguntaram pra que serve o livro e pra quem esse livro é indicado. Posto aqui uma parte da introdução que responde essas perguntas.

Pra quem?

Este livro é indicado para qualquer pessoa que trabalhe com software. Ele serve para pessoas que são gestoras de produto, pois todo gestor de produto sabe que sempre há muito por aprender. E mesmo aqueles que já conheçam bem todos os temas apresentados aqui poderão tirar proveito revendo algum assunto.

Este livro também é indicado para qualquer pessoa que esteja querendo entrar na carreira de gestor de produto. Acredito que ele possa tirar um pouco da ansiedade de quem estiver pensando em se tornar gestor de produto, e não sabe ao certo o que fará e o que as outras pessoas esperarão dele.

Lembro uma vez de um amigo meu que era desenvolvedor de software e decidiu virar gestor de produtos. Ele disse que, nos primeiros meses, ele não entendia o que estava fazendo. Acostumado a medir o progresso do seu trabalho com código em produção, ao assumir a gestão de produtos, ficou perdido sem entender como medir se ele estava de fato entregando algo. Chegou inclusive a pensar em voltar a ser desenvolvedor de software. Já vi casos de pessoas que experimentaram por dois ou três meses e voltaram à função anterior.

Acredito que mesmo as pessoas que não são e não pretendem ser gestoras de produto também poderão tirar proveito deste livro, entendendo o que essa função faz e como ela ajuda no sucesso do seu software.

Note que eu disse que este livro é indicado para qualquer pessoa que trabalhe com software. Mesmo empresas que não têm software como seu core business utilizam software no seu dia a dia e, não raro, desenvolveram algum software que tem interface com seus clientes como, por exemplo, um site e/ou um aplicativo mobile onde seus clientes acessam e consultam informações. É importante para essas empresas entenderem a função de gestão de produtos de software, para elas poderem gerir melhor esse software e aumentar suas chances de sucesso. Ou seja, esse livro é útil também para empresas que têm um software feito sob demanda, mesmo que o software não seja seu ::core business::.

Outro público para quem esse livro pode ser bem útil são as pessoas que trabalham com desenvolvimento de software feito sob demanda, as consultorias de desenvolvimento de software, pois o que é desenvolvimento de software sob demanda para a consultoria, é o produto de software para o cliente dessa consultoria. Na minha opinião, é obrigação das consultorias de software não só usar essa função durante o processo de desenvolvimento do software do seu cliente, como também ensinar o seu cliente a como exercer essa função, já que seu cliente irá ser dono de um produto de software.

Pra quê?

A resposta a esse pergunta é bem simples, pois é o subtítulo do livro, Gestão de Produtos serve para aumentar as chances de sucesso do seu software.

Interessou? Então peça sua cópia hoje mesmo no site da editora, a Casa do Código.

Be the first to like.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *