Desenvolvendo o time e gerenciando expectativas

Como comentei no capítulo Papéis, responsabilidades e senioridade, além de definir e implementar a visão e a estratégia de produto, é responsabilidade da head de produto desenvolver seu time e gerir expectativas. Na terceira parte deste livro, sobre Ferramentas, vou falar sobre várias ferramentas úteis para ajudar a head de produto a cumprir com essas duas responsabilidades. Contudo, antes de falar dessas ferramentas, eu queria falar sobre três conceitos muito importantes para um head de produto.

Como descrevi no livro Gestão de produtos: Como aumentar as chances de sucesso do seu software, as 7 principais características de um gestor de produtos são empatia, comunicação, gestão do tempo, novas tecnologias, habilidades empresariais, curiosidade aguçada e tema do produto.

Como você deve imaginar, essas características também são fundamentais para um head de produto. Contudo, gostaria de destacar e relembrar 3 delas, por considerá-las essenciais para o dia a dia da pessoa head de produto:

Empatia

Empatia é a capacidade que uma pessoa tem de se colocar no lugar de outra para compreender suas expectativas. Seus anseios, motivações, necessidades e problemas. Essa característica é importante para entender os clientes e usuários do produto, saber como estes se relacionam com ele, e que problema esperam resolver ou que necessidade querem ver atendidas. Isso ajudará o gestor de produtos a entender melhor seu usuário para poder, junto com o UX e a engenharia, desenvolver o melhor produto.

Empatia

Contudo, a empatia não deve ser usada apenas com o cliente ou usuário. O gestor de produtos deve usá-la também no seu relacionamento com todas as áreas da empresa para ajudá-lo a entender quais são as expectativas que essas áreas têm em relação ao produto, e qual o impacto que seu produto tem no trabalho delas. Será que aumentaram os problemas jurídicos devido a alguma funcionalidade nova no produto? Qual o impacto para a equipe de vendas, suporte, operações, financeiro e marketing? Até mesmo em relação ao time do produto, engenheiros e designers de UX, como o produto interfere no trabalho desses profissionais?

Empatia também é muito importante para que a head de produto possa entender como ela pode ajudar seu time a se desenvolver. Qual das 7 características citadas acima precisa de mais atenção nesse momento e por quê? Qual é a melhor forma de ajudar essa pessoa a desenvolver essa habilidade?

A head de produto também precisa se colocar no lugar dos donos do produto para entender suas expectativas sobre o produto e os resultados que ele trará para a empresa.

Comunicação

A capacidade de se comunicar é fundamental para que a head de produtos possa gerir expectativas e ajudar seu time a se desenvolver. A head de produtos precisa se comunicar com as pessoas nos mais diferentes cenários: em conversas um a um e em pequenos grupos, ou fazendo apresentações para grupos pequenos e grandes de pessoas, apresentações que podem ser internas (dentro da empresa) ou externas (em conferências, grupos de usuários etc.).

Deve também ser boa de comunicação escrita (e-mail, blog, documentação, chat, redes sociais etc.), e ser capaz de discernir sobre qual a forma de comunicação mais apropriada para cada momento, público e meio de comunicação; e de se comunicar de forma a ser entendido pelos diferentes públicos: técnico e não técnico. Como se isso tudo não bastasse, essa pessoa também precisa ser capaz de se comunicar passando segurança e confiança no que está comunicando; afinal, head de produtos não só é o porta-voz do produto como também é a referência mais sênior de toda a empresa sobre o produto.

É importante lembrar que comunicação é uma via de mão dupla, ou seja, a head de produtos tem de ser muito boa em saber ouvir e compreender o que os outros estão dizendo, e entender os anseios e as necessidades deles; o que tem a ver com a primeira característica, a empatia.

Habilidades empresariais

O gestor de produtos deve se preocupar se o seu produto está atingindo os objetivos de negócio, pois o atingimento – ou não – é a principal fonte de expectativas das pessoas em relação ao produto. Como o produto vai ajudar a atingir os objetivos de negócio? Se o objetivo for margem, a receita e os custos estão sob controle? Se o objetivo for só receita, como está o crescimento dela? Se o objetivo for número de usuários, como essa métrica está evoluindo?

Além disso, o gestor de produtos deve entender como cada área da empresa funciona e como o produto afeta essas áreas. Como o jurídico funciona? Como o produto impacta no departamento jurídico? E como o departamento jurídico impacta no produto? Essas perguntas podem ser repetidas para todas as áreas da empresa: suporte, operações, financeiro, RH, marketing, vendas, engenharia e UX.

Resumindo

  • Para desenvolver seu time e gerir expectativas, o head de produto deve ter as 7 características de um bom gestor de produtos: empatia, comunicação, gestão do tempo, novas tecnologias, habilidades empresariais, curiosidade aguçada e tema do produto
  • Três dessas características são essenciais para o trabalho de head de produto. Empatia para entender de onde vêm as expectativas e que elementos precisam ser desenvolvidos em seu time. Comunicação para poder entender e se fazer entender quando estiver conversando com as pessoas da empresa para gerir suas expectativas e quando estiver desenvolvendo seu time. Habilidades empresariais que ajudarão a entender os objetivos da empresa que são componentes importantes das expectativas que as pessoas têm em relação ao produto.

No próximo capítulo vamos ver os antipadrões de liderança de times de desenvolvimento de produto.

Liderança de produtos digitais

Estou publicando os 30 capítulos do meu mais novo livro, Liderança de produtos digitais: A ciência e a arte da gestão de times de produto, um por semana. Caso você queira ler o livro completo, pode adquiri-lo diretamente da editora. Você também pode se interessar pelos meus outros dois livros:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *