Ciclo de vida de feature

lifecycle

Em um artigo anterior, expliquei as 4 etapas de um produto de software:

  • Inovação: dos 4 estágios do ciclo de vida de um produto de software, a Inovação é a que detém a maior quantidade de dúvidas. É também a fase que tem a maior quantidade de livros. Qualquer livro sobre inovação e startups é útil quando o seu produto estiver nesta fase. O objetivo principal é criar um produto que atenda problemas e necessidades de um grupo de clientes.
     
  • Crescimento: Na fase de crescimento, quando o produto foi desenvolvido e lançado, devemos nos preocupar com a forma de gerir o produto durante o seu crescimento. Uma vez que, durante a fase de inovação, nós construímos um MVP para alcançar nosso objetivo de encontrar o fit do produto com o mercado, nosso produto certamente será bastante incompleto, então devemos ter um plano descrevendo quais funcionalidade vamos construir mais a motivação para construir cada funcionalidade e as métricas que irão nos mostrar que estamos cumprindo a motivação para construir cada funcionalidade como descrevi em um dos meus artigo sobre roadmap.
     
  • Maturidade: Após o crescimento, vem a maturidade. Nesta fase, nosso produto atingiu seu mercado potencial e, conseqüentemente, não cresce tão rápido quanto cresceu na fase anterior
     
    .
  • Fim de vida: Após a maturidade, ou quando o produto é desenvolvido, mas não encontra o fit do produto com o mercado, vem o cenário conhecido como o fim da vida de um produto de software.

Este ciclo de vida de 4 fases pode ser aplicado não só a um produto, mas também às principais funcionalidades.

Para dar um exemplo, vamos imaginar que nosso produto é o Linkedin. Vamos supor que decidimos desenvolver uma nova feature para o Linkedin, por exemplo, o recurso de publicação de artigos que uso para escrever artigos no Linkedin. Durante a fase de inovação característica, teremos que encontrar o encaixe entre produto e mercado, o famoso product market fit. Neste caso, o que estamos procurando é o encaixe será a funcionalidade e mercado e, nesse caso, o mercado é toda a base de usuários do Linkedin.

Se pudermos encontrar o fit da funcionalidade com os usuários do produto, então é hora de aumentar o uso da funcionalidade, ou seja, implementar funcionalidades adicionais para o funcionalidade de publicação que acabamos de lançar para que ele possa ser uma funcionalidade cada vez mais completa para ser usada pelo número máximo de usuários possíveis.

Após o crescimento da adoção da funcionalidade de publicação na base de usuários do Linkedin vem a maturidade do recurso. Nesta fase, o recurso de publicação estará completo em termos de suas possibilidades e, como é utilizado pela maioria da base de usuários, seu crescimento diminui.

Então, após o crescimento, vem o estágio de fim de vida para o recurso de publicação. Pode acontecer se o Linkedin como todo entrar nesta fase, ou se o recurso for substituído ou descontinuado por qualquer motivo.

Na próxima vez que você decidir desenvolver e lançar uma nova funcionalidade importante para o seu produto, você pode aplicar a visão do ciclo de vida do produto para ajudá-lo a gerenciar o ciclo de vida desta nova funcionalidade importante.

Be the first to like.

1 thought on “Ciclo de vida de feature

  1. Onde me inscrevo no blog? Queria me inscrever para receber os novos posts. Começar a ler o livro Gestão de produtos hoje!

    Abraços

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *